SENADOR MARCELO CRIVELA E BLOGUEIROS BUSCAM FORMA PARA LIBERTAR DA MORTE PASTOR IRANIANO

Senador Marcelo Crivella e blogueiros brasileiros buscam formas de libertar o Pastor Yousef Nadarkhani 
 
A provável condenação do Pastor iraniano Yousef Nadarkhani à morte, por se recusar a negar o cristianismo, comoveu o Senador Marcelo Crivella (PRB-RJ). Ontem, 29/09, Crivella fez um apelo na tribuna do Senado para que seja enviado um documento à Embaixada do Irã solicitando que o Pastor não seja condenado à morte.


Os senadores Ana Amélia (PP-RS), Aloysio Nunes (PSDB-SP), Jayme Campos (DEM-MT) e Geovani Borges (PMDB-AP) se solidarizaram com a causa levantada por Crivella, e o Presidente da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa, Senador Paulo Paim, se comprometeu a entregar o documento ao Presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP).

A estratégia de Crivella passa pelo bom relacionamento entre Brasil e Irã. No governo do ex-presidente Lula, os dois países estreitaram as relações comerciais e institucionais e Lula tornou-se amigo do Presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad. Há rumores de que o Senador Crivella solicitaria a Lula que ele intervenha pessoalmente no caso, junto a Ahmadinejad.

A repercussão internacional do caso levou diversos governos a se manifestaram contrários à lei Sharia, que prevê que iranianos que forem de famílias muçulmanas e abandonarem a religião, sejam condenados à morte por enforcamento. O governo dos Estados Unidos se pronunciou em nota afirmando repúdio à decisão: “O pastor Nadarkhani não fez nada além de manter sua fé, que é um direito universal de todas as pessoas”.

No Brasil, diversos blogs e veículos de comunicação noticiaram o fato e alguns jornalistas chegaram a dedicar o espaço de suas colunas para se posicionarem contrários ao caso. O jornalista Reinaldo Azevedo afirmou no site da Veja que o cristianismo “é hoje a religião mais perseguida da Terra”, e continuou destacando que se “um país islâmico eventualmente matar um cristão só por ele ser cristão não é notícia. Se a polícia pedir um documento a um islâmico num país ocidental, isso logo vira exemplo de ‘preconceito’ e ‘perseguição religiosa’”.

1º matéria: 

PASTOR É SENTENCIADO A MORTE POR NÃO NEGAR A JESUS


Fonte: Gospel+

1 comentários:

  1. Wandd disse...:

    Que o senhor senador consiga com sucesso interver nesse caso e que sirva de exemplo a outros políticos que vivem inventando moda!

Postar um comentário

Comente, Questione, Critique, Aconselhe, Tire Dúvidas.

Mas difamações, ataques pessoais, trollagens, xingamentos, atitudes de intolerância, assim como comentários à serviço de militâncias políticas e religiosas não serão aceitos!

Fica reservado ao Blog Filhos de YHWH ou não, de comentários anônimos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

468x60

energia a preço justo
Nelson Neto. Tecnologia do Blogger.
 
Filhos de Yhwh © 2012 | Designed by Nelson Neto