BASTIDORES DA MÚSICA - A INFLUÊNCIA DOS ILLUMINATI NA MÚSICA BRASILEIRA

 A influencia dos Illuminati na música Brasileira
Luiz Gonzaga foi um Mestre Maçom, conhecido como O Rei do Baião, Luiz Gonzaga, Pernambucano de Exu-PE, iniciou na Maçonaria no dia 03 de abril de 1971, na Augusta e Respeitável Loja Simbólica Paranapuan nº 1477, Oriente da Ilha do Governador, do Rito Moderno ou Francês. 


No dia 14 de dezembro de 1971, foi Elevado ao Grau de Companheiro Maçom e no dia 05 de dezembro de 1973, foi Exaltado ao Grau de Mestre. Nos Graus Filosóficos iniciou no Grau 04, no dia 10 de agosto de 1984, no Sublime Capítulo Paranapuan, jurisdicionado ao Supremo Conselho do Brasil do Rito Moderno. A música Acácia Amarela foi composta em 1981. 

Luiz Gonzaga achou oportuno fazer uma homenagem a Maçonaria e elaborou a letra e o tema musical. Orlando Silveira deu algumas sugestões e harmonizou a melodia. Encerrado os trabalhos a música foi incluída no CD “O Eterno Cantador” do selo BMG-RCA, com arranjo de Orlando Silveira e vocal de Luiz Gonzaga. 

Você sabia dessa?

A influencia dos Illuminati na música Brasileira
Zé Ramalho em autentico trono maçônico

A influencia dos Illuminati na música Brasileira
Programa de Fátima Bernades Cenário cheio de Olhos 

A influencia dos Illuminati na música Brasileira
Programa de Fátima Bernades Cenário cheio de Olhos 

Ator Bruno Gagliasso, divulgando as simbologias illuminati 

A influencia dos Illuminati na música Brasileira
Vejam só o que está explicito na roupa do Bruno Gagliasso (lado esquerdo).

Eu tenho certeza que esse escravo Iluminati sabe bem o que é isso, afinal de contas, é Aleister Crowley. Como não saberia ? E garanto que no lugar onde ele estava indo, 90% das pessoas também conheciam todos esses símbolos. Parem de pensar que tudo é ignorância ou coincidência, olha só que camisa mais ridícula levando em consideração, porque alguém colocaria uma camiseta dessas? Certamente foi bem pensando. Luciferianismo é moda, lamentável  bem semelhante ao do componente da banda Jonas Brothers.

A influencia dos Illuminati na música Brasileira
E tudo é paranóia para os tolos, para a elite illuminatié uma realidade!

Simbologias em capas de CD de Gilberto Gil

A influencia dos Illuminati na música Brasileira

A influencia dos Illuminati na música Brasileira
A influencia dos Illuminati na música Brasileira

Cantor Junior também desfila com simbologias Illuminati

A influencia dos Illuminati na música Brasileira

Carlinhos Brown também parece apoiar o movimento, veja 

Estranhamente o formato do projeto de Carlinhos Brown tem o olho que tudo vê da maçonaria e no alto , o telhado em forma piramidal dos Illuminati. 

Entrada estilizada com a pirâmide com o topo separado.


Você conhece Candyall Guetho Square? Com certeza você já ouviu falar de Carlinhos Brown um grande compositor e também um grande sacerdote da cultura afro-brasileira em Salvador. Candyall Guetho Square tem uma arquitetura diferenciada, decoração carregada de elementos e referências múltiplas que descrevemos como ocultista e que chamam muita atenção pelas geometrias e a figura de um olho como você verá nas fotos abaixo.

Guetho, como foi carinhosamente apelidado por seus frequentadores  virou point do verão baiano, onde população local e turistas disputavam as entradas para ver o famoso ensaio dominical da Timbalada. Ao som do refrão “vamos dar a volta no Guetho”, o clima de pré-carnaval, o Museu du Ritmo se arruma para baianos e turistas entre os meses de novembro e janeiro, recebendo em suas instalações o Sarau du Brown

O projeto, recheado de sonoridade e criatividade, é comandado por Brown e seus convidados, numa mistura de música, moda, poesia e público eclético. Na sua última edição, o evento contou com grandes participações como Caetano Veloso, Marisa Monte, Margareth Menezes, Arnaldo Antunes, Armandinho, dentre muitos que passaram pela festa.
O olho que tudo vê da Maçonaria e dos Illuminati

Referência ao chão quadriculado da Maçonaria? Seria uma porta de entrada espiritual?

Pirâmide Illuminati mas que são usadas em todas as Religiões como equilíbrio energético



A influencia dos Illuminati na música Brasileira

A influencia dos Illuminati na música Brasileira

A instituição timbalada

Timbalada não é uma instituição carnavalesca, é uma entidade espiritual, uma manifestação cabocla miscigenada, uma labu laba ladainha. Tive sorte de, no final do milênio, a Timbalada ter nascido - ou renascido - em minhas mãos. A gente queria pegar o timbau e trazê-lo para um contexto de reaproximação social, porque era um instrumento marginalizado. 

O movimento começou a ficar maior e criamos uma linguagem que ele ainda não tinha. A Timbalada é uma coisa da Bahia, mas não era algo que se encontrava antes na tradição rítmica baiana. Ela chocou. O timbau se adaptou a essa linguagem porque ele começou a amontoar células rítmicas, fazendo fusões e levando tudo isso a grandes mantras, que são tambores nas ruas quando começam a tocar.

A Timbalada não teve somente o propósito de chocar, mas sim de retomar a cultura angolana na Bahia. Minha fonte rítmica é o dia-a-dia, é a música da vida. Já na letra,que é uma coisa terrestre, para poder escrever, não só me inspiro no cotidiano, mas em vivências e em referências do que vi e gostei. Com relação às músicas, não tenho domínio. Elas vêm de cima. 

E as melhores eu faço dormindo. (Canalizado?). Com quantos calos se faz um timbaleiro? Para alguém chegar a ser um, há que se passar por uma doutrina - não é só chegar e tocar o timbau. Não faço idéia de onde vai dar a Timbalada, mas acho que vai muito longe. Hoje, onde há timbau há Timbalada também.

A Banda Timbalada, já consagrada nacionalmente, surgiu no fim dos anos 80, fundada por Carlinhos Brown, que adotou um novo instrumento musical: o timbau. A Timbalada nasceu "no tapa", como diz o próprio criador, com o objetivo de oferecer um serviço de animação social, um novo ritmo usando o som da percussão, além de resgatar e levar para as ruas o timbau. 

E conseguiu. A versatilidade de Brown também aparece na banda, que é formada em média por 29 músicos que tocam teclado, guitarra, timbau, surdo, bacurinhas (instrumento criado por ele parecendo um repique) e naipe de metais. Para preservar a independência da banda, Brown deixou de se apresentar junto com ela.

O Bloco Timbalada foi lançado em 4 de novembro de 1994, saindo pela primeira vez em 1995, na quinta-feira, sexta-feira e sábado de Carnaval no circuito Barra/Ondina, em Salvador, Bahia. Os abadás foram rapidamente esgotados e o sucesso da já consagrada banda se repetiu no bloco, campeão da folia daquele ano. 

Dali por diante, o Timbalada faturou o Troféu Bahia Folia por três vezes consecutivas como melhor bloco alternativo. Outra característica da agremiação carnavalesca é reunir figuras famosas do meio artístico e intelectuais, entre os mais diversos tipos de foliões de todo o Brasil e do exterior.

O intuito desta matéria é informar as pessoas como o exemplo acima de sacerdócio, trabalhando em prol da sociedade brasileira através da música no âmbito natural e espiritual como descrito acima por Carlinhos. As suas influências são espirituais afro, ele não tem medo, faz o que os seus guias mandam e tem os resultados esperado. 

E você como Cristão, o que você esta fazendo que ainda não levantou um altar ao Senhor? Perde seu tempo em agredir com palavras e descredito o Ministério Casa de Davque tem por objetivo 24hs de adoração e intercessão pela nação entre outros. 

Carlinhos Brown é um exemplo de sacerdote e tem promovido sem até mesmo saber ou não coisas abomináveis levando uma nação a Feitiçaria e a Idolatria.  Confira mais fotos e os projetos: 


0 comentários:

Postar um comentário

Comente, Questione, Critique, Aconselhe, Tire Dúvidas.

Mas difamações, ataques pessoais, trollagens, xingamentos, atitudes de intolerância, assim como comentários à serviço de militâncias políticas e religiosas não serão aceitos!

Fica reservado ao Blog Filhos de YHWH ou não, de comentários anônimos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

468x60

energia a preço justo
Nelson Neto. Tecnologia do Blogger.
 
Filhos de Yhwh © 2012 | Designed by Nelson Neto