AMY WINEHOUSE AGREGA A LISTA DOS 27, SERÁ UMA COINCIDÊNCIA?

i

Amy Winehouse Morre, Carreira Meteórica e Curta, Cantora Morre Jovem amy winehouse rollling stone not1amy_winehouse_ugly


Encontrada morta neste sábado (23) em seu apartamento no bairro de Camden, em Londres, Amy Winehouse, passa a fazer parte da lenda que assombra o mundo do rock desde os anos 1970 e intrega o clube dos roqueiros mortos aos 27 anos.
A carreira de Amy Winehouse foi marcada por escândalos e polêmicas, que, em sua maioria, envolviam problemas com drogas e alcoolismo. Por causa disso, em diversos shows foi vaiada, como em recente apresentação em Belgadro, na Sérvia, porque o público não entendia as músicas que ela estava cantando.

Os problemas com as drogas e o álcool já haviam alertado para uma possível morte prematura da cantora. Durante uma entrevista em 2008, a mãe de Amy, Janis, disse que a família não ficaria surpresa se a filha morresse antes da hora. "Eu conheço minha filha há muito tempo e sei que ela pode estar morta dentro de um ano. Nós estamos olhando ela se matar lentamente", desabafou.

Conheça melhor sua história aqui
Coincidência ou não, a cantora conhecida por seus problemas com drogas e bebidas, se junta a outras estrelas tão problemáticas quanto ela. Entre eles, Kurt Cobain (1967 -1994), Jimmy Hendrix (1942-1970), Janis Joplin (1943-1970), Jim Morrison (1943-1971), Brian Jones (1942-1970) e Kristen Pfaff (1967-1994).

Agora o que nos intriga á a morte destes jovens aos 27 anos e tanto é que um livro já foi escrito tentando explicar esse fato.

O que teria levado esses jovens a morte? Um Pacto com Satanás? Se olharmos pelo lado numerológico Satânico e somarmos 2 + 7 é = a 9 e nove é o número que identifica Satanás, como o 6 e número 3, é como a marca de um serial killer que o identifica, são números ou marcas muito importante no ocultismo. 
Não sabemos ao certo sobre esses pactos, mas sabemos sim que quem rege todo este "teatro" para o mundo é Satanás, ele dá ao mundo o que ele precisa, exemplos para que gerações se corrompam e que sufoquem a palavra e a verdade de Deus levando milhares de jovens ao suicídio e grandes overdoses gerando ídolos e adoração para si.


Veja abaixo um resumo de quem deixou o mundo da música precocemente aos 27 anos.



Janis Joplin (19/1/1943 – 4/10/1970)

http://4.bp.blogspot.com/_uGx-Ji0a_qA/THmycaRbq2I/AAAAAAAAACI/wqbc7VuAG-U/s1600/39e2ce1a8bb93b40fcc67ed52b9a9b23-tb_200.jpg http://2.bp.blogspot.com/-ycn3s8plAXQ/TZdYUH14KcI/AAAAAAAAACU/P0lKiehU4k4/s1600/865%252C3661.jpg

A eterna rainha do blues rock lançou maravilhas como Cheap Thrills (1968) e Pearl (1971). No palco, a cantora americana arrasava, deixando a plateia com o queixo caído. Seu temperamento era bem difícil. Foi vítima de uma overdose acidental, quando estava no final das sessões de gravação de Pearl. Cantava muito! Sua voz vinha do fundo da alma.

Conheça melhor sua história aqui




Jim Morrison (8/12/1943 – 3/7/1971) 

Atentado ao pudor e mais três acusações, na Flórida

Jim Morrison, líder e vocalista da banda The Doors dizia ter sido possuído por espíritos quando assistiu a um acidente automobilistico que matou diversos índios. Segundo ele um ou dois espíritos de shamans (feiticeiros índios) o possuiram desde então, guiando seu estilo de vida e sua maneira de compor. Em 1970 Morrison se casou com uma feiticeira em um ritual pagão que envolveu invocações e beber sangue. Era totalmente imprevisível conforme o seu humor. The Doors (1967), Strange Days (1967) e L.A. Woman (1971) são alguns de seus melhores discos com os Doors. Era considerado o grande símbolo sexual do rock, nos anos 60, o que o "irritava". Também morreu de overdose aos 27 anos.

Assista o filme clicando na imagem abaixo:



Informações Técnicas
Título no Brasil: The Doors
Título Original: The Doors
País de Origem: EUA
Gênero: Musical
Tempo de Duração: 136 minutos
Ano de Lançamento: 1991

Sinopse: Uma das mais sensuais e excitantes figuras da história do rock explode nas telas em The Doors, um filme eletrizante sobre o homem, o mito, a música e a magia que foi Jim Morrison. Morrison (Val Kilmer), deus do sexo. Alto Sacerdote do excesso. Um poeta disfarçado na pele de um astro do rock. As mulheres o desejam, os homens desejam ser como ele. Numa época chamada anos 60, num lugar chamado Estados Unidos, nenhum sonho era mais brilhante do que ser o líder de uma banda de rock chamada The Doors.




Conheça melhor sua história aqui


Jimi Hendrix (27/11/1942 – 18/9/1970)

http://3.bp.blogspot.com/_3dAmoLvV6E4/TNOwSW2I6hI/AAAAAAAAARM/GM8sBtGNhgc/s1600/RY.jpg Ainda hoje considerado o maior guitarrista da história do rock, colocava fogo em suas guitarras e dizia: " Só sacrificamos de verdade aquilo que amamos, ao extremo. Para algumas pessoas tocar a guitarra representa um verdadeiro caminho para a perfeição espiritual. ".  

Gravou discos espetaculares, como Axis Bold As Love (1967) e Electric Ladyland (1968). Usava drogas e bebia como se não houvesse amanhã. Morreu sufocado no próprio vômito, após uma mistura de comprimidos e bebidas alcoólicas aos 27 anos.

"Ele costuma falar que há um tipo de diabo nele, você sabe, ele não tinha muito controle sobre isso. Ele não sabia a razão de muitas das coisas que fazia ou dizia em suas canções. " Fayne Pridgon

Quando colocado contra a parede e questionado se acreditava nestes demônios Jimi se saiu com essa: "Pergunte as cordas de minha guitarra e ouvirá a resposta."

Conheça melhor sua história aqui



Brian Jones (28/2/1942 – 3/7/1969)

[The+Rolling+Stones+brianjones.jpg]

The Rolling Stones. O grande músico acabou mergulhando nas drogas e sendo mandado embora do próprio grupo por Mick Jagger. Foi encontrado morto em sua piscina, afogado, apenas um dia depois de ser demitido. Tem gente que até hoje acha que ele foi assassinado. Jones foi o primeiro roqueiro famoso a morrer com 27 anos.

 Conheça melhor sua história aqui


Kurt Cobain (20/2/1967 – 5/4/1994) 

 http://2.bp.blogspot.com/_U0FbbUE6hR4/S8pPTZ1km4I/AAAAAAAAABY/vb4DepMpfJY/s1600/courtney_love.jpg

O maior mito do rock nos anos 90. Cantor, compositor, guitarrista e líder do grupo americano Nirvana, que lançou os brilhantes Nevermind (1991) e In Utero (1993). Dizem que não soube lidar com o sucesso, e seu fim foi trágico: estourou os miolos em sua própria casa. Fez shows cheios de altos e baixos no Brasil com o Nirvana em janeiro de 1993, e até gravou em um estúdio carioca.



Conheça melhor sua história aqui




Richey Street (22/12/1967 – 14/2/1995) 

Manic Street Preachers' Richey Edwards "Presumed Dead" By Parents
Richey Edwards of Manic Street PreachersEle era o letrista e o guitarrista base dos Manic Street Preachers, uma das principais bandas inglesas da década de 90. Intelectual e doidão, chegou a usar uma camiseta com a frase “kill yourself” (mate-se, suicide-se). Um dia antes de a banda viajar para os Estados Unidos, ele simplesmente sumiu. Do nada. E nunca mais foi encontrado.

Conheça melhor sua história aqui



Robert Johnson (8/5/1911 – 16/8/1938) 

http://4.bp.blogspot.com/-jPDIog7rc2o/TbdJT9nvk8I/AAAAAAAAA6M/9h1yMqvLTmQ/s1600/robert_johnson1.gifhttp://1.bp.blogspot.com/_SvytFpRkkTQ/TBRJhwLfe8I/AAAAAAAAAGI/TeaeyK0tFEo/s1600/robertjohnson_large.jpg

O cantor, compositor e violonista americano é considerado o legítimo avô do rock and roll. O mito popular recorrente sugere que Johnson vendeu sua alma ao diabo na encruzilhada das rodovias 61 e 49 em Clarksdale, Mississippi com seu violão e uma garrafa de whisky adulterado, quando um bend escandaloso de uma gaita cromada, era o diabo. 
Tomou seu violão e afinou um tom abaixo, devolveu para Johnson e tocou como toca nas gravações... fez isso em troca da proeza para tocar guitarra.

Este mito foi difundido principalmente por Son House, e ganhou força devido às letras de algumas de suas músicas, como "Crossroads Blues", "Me And The Devil Blues" e "Hellhound On My Trail". O mito também é descrito no filme de 1986 Crossroads e no episódio 8, da segunda temporada da série Supernatural. Teria o diabo vindo cobrar a dívida? Oficialmente, foi vítima de envenenamento. Ídolo de Eric Clapton e inúmeros outros roqueiros famosos.

Suas músicas continuam sendo interpretadas e adaptadas por diversos artistas, como Eric Clapton, The Rolling Stones, The Blues Brothers, Red Hot Chili Peppers e The White Stripes.


Conheça melhor sua história aqui

Assista o Filme sobre seu mito clicando na imagem abaixo:


 
[16D6F1_1.jpg]


Alan “Blind Owl” Wilson (4/7/1943 – 3/9/1970) 


 
O Cannet Heat foi uma das principais bandas de blues rock americanas dos anos 60, e Alan era seu guitarrista. O cara sabia tudo de blues, e conhecia a obra de cada grande nome do gênero. Future Blues (1968), melhor disco do grupo, teve grande participação de Alan. Ele foi encontrado morto pelos colegas de banda com duas garrafas de gin e comprimidos e uma suposta overdose de drogas, num aparente suicídio. Sua morte ainda é tema de controvérsia, pois os resultados da autópsia foram inconclusivos e ele não deixou nenhum bilhete.
 
 







Kristen Pfaff (26/5/1967 – 16/6/1994)

File:Kristen2.jpg http://www.motherlovemusic.be/wp-content/uploads/2010/03/kristen-pfaff.jpg

Kristen Pfaff tocou baixo com o Hole, banda liderada por Courtney Love, a mulher de Kurt Cobain. Ela entrou no grupo e participou de seu disco mais vendido, Life Through This (1994). Reza a lenda que a moça teria tido um rápido caso com Kurt. Em trágica coincidência, por volta das 9:30 da manhã do dia 16 de junho de 1994, Pfaff foi encontrada morta em seu apartamento por Paul Erickson, amigo com o qual ela planejava voltar a Minneapolis naquele mesmo dia. Pelo chão, havia sacos contendo seringas e parafernália de heroína. Esse era exatamente o mesmo modo operante relatado no local da morte de Kurt Cobain, e também aos 27 anos de idade, dois meses depois de Cobain.

Conheça melhor sua história aqui


Gary Thain (15/5/1948-8/12/1975) 

 Gary ThainGary Thain

O baixista inglês é até hoje considerado um dos melhores da história do heavy metal, e viveu seus anos de ouro como integrante do Uriah Heep, participando de CDs como Demons And Wizards (1972). A coisa ficou feia para ele a partir de setembro de 1974, quando foi eletrocutado em cena. Conseguiu sair vivo, mas sua vida nunca mais foi a mesma. Foi demitido do Uriah Heep e, deprimido, morreu de overdose.
  

Ron “Pigpen” Mckernan (8/9/1945-8/3/1973) 


McKernan era tecladista do Grateful Dead, uma das bandas mais malucas e experimentais da geração hippie. Ele era quem mais aparecia nos shows, pois sabia prender a atenção do público. Infelizmente, também bebia como se não houvesse amanhã, e morreu vítima de uma hemorragia gastrointestinal, que ganhou ao encher tanto a cara.


Pete Ham (27/4/1947-24/4/1975) 


Cantor, compositor e guitarrista do grupo inglês Badfinger, que soube como poucos se valer da influência dos Beatles e lançou trabalhos maravilhosos como Straight Up (1971) e Wish You Were Here (1975). Seu rock era melódico e contagiante, uma delícia de se ouvir. Sacaneado pelo empresário, ficou desesperado e em situação financeira lamentável. Acabou se suicidando.

Conheça melhor sua história aqui


Chris Bell (12/1/1951-27/12/1978) 

 O cantor, compositor e guitarrista americano, Chris Bell era outro que aproveitou muito bem as influências dos Beatles. Ao lado do cantor, compositor e mús...

O cantor, compositor e guitarrista americano era outro que aproveitou muito bem as influências dos Beatles. Ao lado do cantor, compositor e músico Alex Chilton, integrou a banda Big Star, que vendeu poucos discos mas influenciou inúmeros outros grupos de rock, como R.E.M. e Oasis. A falta de sucesso comercial lhe rendeu forte depressão. Morreu vítima de um acidente de carro.

D Boon (1/4/1958-22/12/1985) 

http://a323.yahoofs.com/ymg/listoftheday__7/listoftheday-161077287-1221006072.jpg?ymu9XrADFME9899r

O cantor, compositor e guitarrista americano liderou o Minutemen, que não vendeu muitos discos, mas que era adorado pelos outros músicos. Ele ficou na posição de número 89 entre os melhores guitarristas de todos os tempos, em votação feita pela revista americana Rolling Stone. D Boon morreu em um acidente de carro, no qual não estava usando o cinto de segurança.

Conheça melhor sua história aqui


Pete de Freitas (2/8/1961-14/6/1989) 


Pete de Freitas
Pete de Freitas foi considerado um dos melhores bateristas do rock dos anos 80, e tocava com o Echo & The Bunnymen. Esteve com a banda quando eles tocaram no Brasil pela primeira vez, em 1987, em shows antológicos. Participou de discos ótimos, entre eles Ocean Rain (1984) e Echo & The Bunnymen (1987). Morreu em um acidente de moto.






E agora quem será o próximo da lista dos 27? O mundo precisa de mais uma boa referência....

2 comentários:

  1. deLima Junior disse...:

    Ótima matéria, mas o próximo a morrer pode ser um leitor do site após ler no título "Conhecidência", quando o correto é "Coincidência"!!!
    Abraço...

  1. Filhos de YHWH disse...:

    Caraca deLima, se não é você não teria reparado no erro, muito abrigado, realmente errei feio!!!

    Deus te Abençõe

    Volte sempre :)

Postar um comentário

Comente, Questione, Critique, Aconselhe, Tire Dúvidas.

Mas difamações, ataques pessoais, trollagens, xingamentos, atitudes de intolerância, assim como comentários à serviço de militâncias políticas e religiosas não serão aceitos!

Fica reservado ao Blog Filhos de YHWH ou não, de comentários anônimos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

468x60

energia a preço justo
Nelson Neto. Tecnologia do Blogger.
 
Filhos de Yhwh © 2012 | Designed by Nelson Neto