SIMBOLOGIA OCULTA NO FILME OS CAÇA-FANTASMAS (PARTE 1)


Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)
Os Caça-Fantasmas (Ghostbusters, 1984)

Sinopse: Em Nova York, três professores de Parapsicologia desempregados, Peter Venkman (Bill Murray), Ray Stantz (Dan Aykroyd) e Egon Spengler (Harold Ramis) se estabelecem como o único serviço de remoção de fantasmas da cidade: a "Caça-Fantasmas". "Os caça-fantasmas" é um divertido filme de comédia e suspense, sobre fantasmas que surgem na cidade de Nova York. Apesar de parecer um filme inocente, invencionista e que brinca com a memória coletiva das pessoas, ele na verdade carrega muitos símbolos pesados do ocultismo egípcio, sumério e babilônico.

Como esqueci de falar no post anterior, vou citar aqui um símbolo que aparece antes de muitos filmes começarem. Trata-se da logomarca da Columbia Pictures, um dos estúdios mais tradicionais de Hollywood. Para quem sempre quis saber quem é essa mulher, ela é deusa da América, Columbia, que corresponde à deusa da Babilônia, Semíramis; e também à Isis, deusa egípcia. A elite vem durante toda a história, cultivando sua adoração aos deuses babilônicos. Logo no início do filme "Os caça-fantasmas", temos essa imagem:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)
Mais recentemente, ela tem aparecido assim:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)
Perceba que na imagem acima, a deusa Semíramis está colocada em cima de uma pirâmide de 5 degraus, assim como a pirâmide egípcia logo abaixo:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Curioso observar que a rainha Elizabeth II, que clama ser da mesma linhagem dos reis de Israel, como Davi e Salomão, chegando até Abraão, também foi coroada em uma pirâmide de 5 degraus. A rainha Elizabeth II é quem comanda a ditadura faraônica dos nossos tempos. Se um dia houver oportunidade, coloco mais informações sobre isso, já que o importante é falar do filme agora. Quem quiser, pesquise sobre o assunto. Abaixo, a foto da coroação de Elizabeth II:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Em ambas as imagens da logo da Columbia Pictures, a rainha Semíramis aparece segurando uma tocha ou um bastão iluminado. Ela é uma deusa portadora da luz, que dizem ser a luz da sabedoria, do conhecimento, da liberdade, da igualdade e outros lemas. O problema é que temos por conhecimento outro personagem, que é representado e nomeado como portador da luz: Lúcifer. "Lúcifer" é uma palavra latina que significa "portador da luz" (Vem do latim, lux, lucis = luz; ferre = carregar) cuja correspondente em grego é "phosphoros", significa "o portador do archote" ou "o portador da luz", sendo ele mesmo, como indica o seu nome, aquele que traz a luz onde ela se faz necessária. Então, pra começar o post já de forma medonha, sim, a deusa Columbia ou Semíramis, é um símbolo de Lúcifer. Ela também é a Estátua da Liberdade e também é a mulher que está nas cédulas da nossa moeda, o Real. Nome sugestivo.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Carregamos nas mãos um símbolo de Lúcifer e assistimos a filmes que iniciam com esse mesmo símbolo. A deusa Semíramis é a deusa número 1 dos Illuminati. Eles detém a fabricação e movimentação do dinheiro no mundo e infelizmente, controlam as grandes corporações, incluindo a indústria de Hollywood. Vou ver se faço um post só sobre isso, mas agora vamos para a análise completa do filme "Os caça-fantasmas", de 1984, que tem muitas coisas interessantes.

Logo de cara, temos o símbolo da estrela invertida, que parece algo normal e até motivo de acusarem de paranóia ao falar sobre isso. Mas, em um filme de um mega-estúdio como esses, nada é por acaso. Nada no cenário, no roteiro ou na posição dos objetos, nada é por acaso. Tudo é feito nos mínimos detalhes, com todo cuidado. A estrela invertida ou pentáculo invertido, é usado em rituais e invocações de espíritos. Essa é uma cena em que o personagem do Bill Murray, que é um parapsicólogo, faz testes para ver se os candidatos a "videntes" conseguem acertar quais sãos as figuras nas cartas que ele segura. A primeira carta que ele segura, é essa:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)
Parece normal, afinal é só uma estrela virada de lado, mas filmes com conteúdo ocultista muito mais pesado, como é o caso de "O mágico de Oz", usam da mesma figura, na mesma posição.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)
Bruxa segurando, propositalmente, uma estrela invertida, em "O mágico de Oz".

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)
Quando Dorothy chega à casa do mago, há a mesma estrela invertida na parede.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)
Respectivamente: pentagrama invertido, estrela invertida em "Os Caça-Fantasmas" e as duas estrelas invertidas em "O mágico de Oz". Mas é só um detalhe, perto de tudo que tem no filme.

Ao decorer das primeiras cenas, a personagem de Sigourney Weaver começa a sofrer com a perturbação de espíritos, que mexem nas compras que ela fez no mercado. A geladeira começa a fazer um barulho e ao abrir a geladeira ela vê isso:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Sim, isso está dentro da geladeira dela. Um portal para outra dimensão, representado por uma pirâmide com o topo iluminado. Bem sugestivo. Ela fica com muito medo e quando vai fechar a geladeira, aparece um monstro horrível, vindo dessa outra dimensão. Ela escuta o nome "Zuul". Ela então pede a ajuda dos Caça-fantasmas e se torna a primeira cliente.

Mesmo sem desvendar o mistério da casa dela por enquanto, os caça-fantasmas começam a ficar conhecidos e em uma das cenas eles aparecem em frente ao edifício Rockefeller Plaza, que também possui na frente dele, mais uma estátua que faz referência ao "portador da luz" (Lúcifer). É a estátua dourada de Prometeus, carregando a tocha iluminada. Filmes feitos em Nova York, como "O fim dos dias" (1999) e relacionados ao tema sobrenatural, frequentemente mostram esse lugar.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Abaixo segue uma cena importante, com o diálogo entre os personagens:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

- Ok, encontrei o nome Zuul. Zuul foi um semideus adorado há 6 mil anos atrás pelos... Que palavra é essa?
- Hititas.
- Isso. Mesopotâmios e sumérios. "Zuul era o servo de Gozer".
- Quem é Gozer?
- Gozer era importante na Suméria.
- O que fazia na minha geladeira?
- Estou checando.

Mesmo com nomes que podem divergir dos verdadeiros nomes, esses deuses sumérios são adorados até hoje, da mesma forma que os deuses babilônicos e egípcios são adorados até os dias atuais, por pessoas dos mais diveros lugares e camadas sociais, tendo uma popularidade maior entre a elite e aristocratas.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Daí pra frente, as coisas começam a ficar mais tensas. Em meio a raios e trovões, surge a imagem do topo de um prédio, onde há 4 colunas. As colunas são em formato de Obelisco (símbolo dos deuses egípcios). Nas duas colunas do meio, há um animal de concreto de cada lado e entre as duas colunas há uma mesa para sacrifícios. Os animais são os guardiões do portal. Aos poucos, eles começam a ganhar "vida".

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Quando eles ganham vida, saem em busca de sua vítima: a mulher a quem já haviam feito uma visita através da geladeira. O demônio sumério aparece atrás da porta do banheiro dela, iluminando todo o vão da porta, pega ela e leva para seu domínio.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Quando o personagem vai até a casa dela, ela está com a aparência totalmente diferente e está com um vestido vermelho. No cinema, o vestido vermelho é usado para simbolizar a distração do homem de bem. Uma forma de mostrar o sonho que o homem de família não pode alcançar, mas perde tempo com ele, por que foi iludido. Representa o momento em que o homem se distrai e perde o foco das coisas que realmente são importantes. Em "Matrix" (1999), temos um exemplo claro disso, quando Morpheus está dando instruções à Neo, explicando à ele o mundo de ilusões e Neo se distrai quando passa uma mulher de vermelho. Foto da cena:

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Neo cai nessa cilada e se distrai. Ele vira pra frente e quando vira para trás para olhar ela de novo, há um homem com uma arma apontada para a cara dele.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Acima, a capa do filme "A dama de vermelho", coincidentemente também produzido em 1984, em que Gene Wilder "é um executivo casado e com filhos, que se vê em uma situação bem complicada, desde que ele conheceu Charlotte, a dama de vermelho, que o perturbou tanto que ele se viu motivado em trair sua amada esposa, apenas para ter um caso com ela."

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

No caso do filme "Os caça-fantasmas", a personagem de vermelho não só representa a distração, como é um dos sinais dados pelo espírito que a possuiu, de que ela não está mais no comando. Antes "careta", agora ela surge com uma postura sensual e promíscua, fazendo somente uma pergunta: "é você o guardião?" Por estar interessado nela, o homem responde que é amigo do guardião e ela diz que ela se chama "Zuul, o porteiro" e que "temos que nos preparar para a vinda de Gozer, o destruidor". Ele percebe que ela está possuída, e tenta resistir. Ela tem o rosto transfigurado, a voz se torna voz de homem e ela começa a levitar.

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

É curioso observar também que ela cita, o nome do deus como "Gozer, o destruidor". Temos o deus hindu Shiva, com o mesmo nome: Shiva, o destruidor. Estranho mesmo é que segundo os autores maçônicos William Meyer e J. S. M. Ward, Shiva é um dos nomes infernais de Satanás, que inclusive está listado na Bíblia Satânica. (William Meyer, em "The Order of the Eastern Star", pg 20); (Ward escreveu essa informação em "Maçonaria e os Deuses Antigos"), Londres, Simpkin, Marshall, Hamilton, Kent and Co. Ltd, 1921, pg 10-11. O autor ocultista, R. P. Lawrie Krishna disse a mesma coisa em The Lamb Slain - Supreme Sacrifice. Ao longo da história, esses espíritos mudam de nome, de acordo com o lugar e com o entendimento das pessoas que buscam contato com eles. Não vou afirmar o que é e o que não é. Segundo essas religiões, Shiva é o destruidor do ego, das coisas ruins na personalidade. Só faço uma relação do que acontece no filme e a relação com o nome-título "o destruidor".

Simbologia oculto no filme Os Caça-Fantasmas (Parte 1)

Enquanto isso, um dos animais (guardiões do portal) que saíram lá das duas colunas, possui outro personagem para que ele seja usado e se encontre com "Zuul, o porteiro" (ou seja, com a mulher de vermelho).

Continua...

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, Questione, Critique, Aconselhe, Tire Dúvidas.

Mas difamações, ataques pessoais, trollagens, xingamentos, atitudes de intolerância, assim como comentários à serviço de militâncias políticas e religiosas não serão aceitos!

Fica reservado ao Blog Filhos de YHWH ou não, de comentários anônimos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

468x60

energia a preço justo
Nelson Neto. Tecnologia do Blogger.
 
Filhos de Yhwh © 2012 | Designed by Nelson Neto