QUEM PODE PARTICIPAR DA SANTA CEIA?


Pão e Vinho da Santa Ceia

Com o passar dos anos, a igreja foi aderindo práticas e ensinamentos de homens, com o objetivo de “ajudar” a organizar a Casa do Senhor. O problema, é que muitos ensinamentos não tem contribuído para a edificação e crescimento da igreja, mas sim para a destruição de muitas almas.

Algumas denominações são recheadas de regras para os seus fiéis poderem participar de cerimônias mensais, como é o caso da Santa Ceia. Há ministérios que restringem a Santa Ceia somente aos membros, portadores de uma carteirinha ou credencial de membro, caso o mesmo esqueça esta credencial, não poderá participar da Santa Ceia do Senhor Jesus. 
Mas será que isso é o correto? Será que a Santa Ceia hoje está sendo ministrada da maneira como Jesus ensinou? Uma das primeiras palavras do apóstolo Paulo foi: Porque o que eu recebi do Senhor, isso também vos ensinei. Logo vemos que a Santa Ceia deve ser ministrada da forma ensinada pelo Senhor Jesus.
Abriremos aqui hoje um breve estudo teológico sobre a santa ceia, que virá não entrar em discussão do que seja certo ou errado, mas simplesmente para esclarecer a cerimônia mais importante da igreja, que é a Santa Ceia do Senhor.

A Santa Ceia Não Pode Ser Anulada

Logo sendo a cerimônia mais importante, por ser ordem do próprio Senhor Jesus (fazei isso todas as vezes…), ainda vemos pessoas insistindo com a ideia de que a igreja não precisa fazer Santa Ceia. Se a pessoa fizer um raso estudo teológico enfatizando a Santa Ceia, verá a sua suma importância.
O apóstolo Paulo estava recheado de informações para transmitir para a igreja de Corinto, porém, ele sabia que não tinha como colocar tudo em duas cartas, então ele vai colocar somente aquilo que ele vê como urgência, palavras que não poderiam ser deixadas para depois. Foi por isso que ele disse: (Quanto as outras coisas, quando estiver com vocês estarei ordenando 1° Co 11.34b…).
Veja, o Paulo está praticamente dizendo: Queria falar muitas outras coisas, mas não dá, quando eu for aí eu falo. Mas Paulo prioriza falar sobre a Santa Ceia. E que bom para nós, porque se ele não tivesse escrito, não saberíamos se aquela igreja se importava com a Santa Ceia, hoje sabemos porque Paulo dedicou quase um capítulo inteiro para falar sobre ela. 


A Santa Ceia no Antigo Testamento

Quando Abraão estava voltando de uma guerra, repentinamente aparece um sacerdote por nome de Melquisedeque. Este sacerdote aparece para Abraão oferecendo pão e vinho, que são justamente os dois elementos usados na Santa Ceia do Senhor Jesus.
Após dar pão e vinho, Abraão imediatamente dará o dízimo de tudo o que havia conquistado até ali.  Melquisedeque se trata de um arquétipo de Jesus Cristo.
Melquisedeque dá para Abrão os elementos da vida, ninguém consegue viver se não tiver um corpo, o corpo não vive sem o sangue, pois a vida está no sangue:
Porque a vida da carne está no sangue; pelo que vo-lo tenho dado sobre o altar, para fazer expiação pelas vossas almas; porquanto é o sangue que fará expiação pela alma. Lv 17.11

Santa Ceia de Israel

Quando Deus estava prestes a libertar o seu povo, vemos ele dando uma ordem para Moisés, para que cada família providencie um cordeiro perfeito, este cordeiro não poderia ter defeito algum, nem uma mancha sequer.
O cordeiro, ou cabrito, será sem mácula (sem defeito ou imperfeição), um macho de um ano, o qual tomareis das ovelhas ou das cabras. Ex 12.5
O povo de Deus recebera a ordem de sacrificar aquele cordeiro/cabrito e tirar todo o seu sangue e armazenar em uma vasilha. Após todo o sangue do cordeiro ser vertido naquela vasilha, eles tinham que pegar uma planta esponjosa e mergulhar naquele sangue, em seguida passar o sangue nas ombreiras das portas:
E tomarão do sangue, e pô-lo-ão em ambas as ombreiras, e na verga da porta, nas casas em que o comerem.
Êxodo 12:7-8
Sangue nas ombreiras
As pessoas deveriam obedecer aquela ordem, pois naquela mesma noite um espírito de morte iria passar por aquela região, e todas as casas que não tivessem a marca do sangue nas ombreiras das portas, seriam fatalmente atingidas por aquele espírito que viria destruir tudo.
A interpretação disso é muito simples, o cordeiro sem mancha representa o Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. O espírito de morte que foi enviado pelo próprio Deus representa o Juízo de Deus sobre a terra. O sangue do Senhor Jesus sobre a nossa vida nos garante a proteção contra este espírito de morte (a 2ª morte). Somente quem é lavado pelo Sangue do Senhor Jesus estará livre da destruição que será enviada pelo próprio Deus à terra.
Todas as casas que tinha a marca do Sangue nas ombreiras, estavam salvas. Se a marca do Sangue de Jesus estiver em sua casa, ou seja, se tiver UMA pessoa ali que representa o sangue de Jesus naquela casa, esta casa será salva.
Foi por isso que Paulo disse: Crê no Senhor Jesus e será salvo tu e a tua casa!!
Continua.....

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, Questione, Critique, Aconselhe, Tire Dúvidas.

Mas difamações, ataques pessoais, trollagens, xingamentos, atitudes de intolerância, assim como comentários à serviço de militâncias políticas e religiosas não serão aceitos!

Fica reservado ao Blog Filhos de YHWH ou não, de comentários anônimos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

468x60

energia a preço justo
Nelson Neto. Tecnologia do Blogger.
 
Filhos de Yhwh © 2012 | Designed by Nelson Neto